geral@penafielmagazine.pt

Notícias em Penafiel
 

SOLIDÃO AUMENTA RISCO DE MORTE

Segundo um realizado no Reino Unido, que envolveu cerca de 479.000 pessoas, viver sozinho ou conviver com poucas pessoas aumenta o risco de enfarte agudo do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC).

“O isolamento social e o sentimento de solidão estão associados a um risco mais elevado de enfarte grave do miocárdio ou de acidente vascular cerebral”, escreveram os investigadores finlandeses.

A originalidade deste estudo consiste em isolar o fator solidão dos outros. Eliminando os restantes riscos como o tabagismo, a alimentação desequilibrada, a falta de atividade física, uma má saúde mental e a pobreza, viver só aumenta a mortalidade após um enfarte ou um AVC em 32%.

A solidão é uma fenómeno social que afeta quase 45.516 idosos a viverem sozinhos ou isolados em Portugal, segundo Operação Censos Sénior 2017, dados recolhidos pela GNR.

Fonte: Sapo Lifestyle