geral@penafielmagazine.pt

Notícias em Penafiel
 

TEACH FOR PORTUGAL PROMOVE IGUALDADE EDUCATIVA

O Município de Lousada integra um grupo restrito de sete concelhos que estão a implementar o projeto desenvolvido pela Teach For Portugal, uma organização que tem como missão a de combater a desigualdade educativa e garantir que todas as crianças têm a educação, o apoio e as oportunidades necessárias para desenvolver o seu máximo potencial, independentemente do contexto socioeconómico de onde provêm. Assim, para além de Lousada, integram o projeto Braga, Gondomar, Guimarães, Porto, Vila Nova de Famalicão e Vila Nova de Gaia.

De acordo com o Vereador da Educação “a adesão ao Teach For Portugal vai permitir que a autarquia possa alocar um recurso humano com formação específica, altamente motivado e socialmente comprometido, que vai trabalhar de uma forma supletiva com alguns docentes e supervisionado pela Direção da Escola, no sentido de ajudar alguns alunos a desenvolver todas as suas capacidades. Espera-se que trabalhe diretamente com os alunos e que estabeleça uma relação estreita com as famílias, no sentido de remover obstáculos à aprendizagem dos alunos alvo”.

Este é um projeto que tem como base a Teach For All, uma rede internacional com 30 anos de experiência, e através do qual foi possível recrutar uma técnica superior para a Escola Básica Lousada Este durante dois anos letivos.

O projeto, que é agora implementado em Lousada, conta com três objetivos principais que passam por promover o desenvolvimento de expetativas e competências que permitam um percurso escolar de sucesso, desenvolver projetos sustentáveis para o sucesso da comunidade escolar, nomeadamente o envolvimento de pais e encarregados de educação, e demais atores da sociedade, no processo educativo.

As atividades letivas e de acompanhamento vão realizar-se dentro e fora da sala de aula, em articulação com o professor-mentor, que leciona na escola e que tem como função acolher o participante Teach For Portugal, e com a direção da escola. As atividades com a comunidade escolar e educativa vão decorrer no período não letivo.

São abrangidos, durante o período de vigência do projeto, 150 crianças do 2.º ciclo do ensino básico, que têm em comum serem alunas do professor-mentor que leciona, no caso concreto, na EB Lousada Este.

Uma vez que este recurso vai acompanhar todas as turmas do Professor-Mentor no regime obrigatório de aulas, o número de crianças abrangidas será o número de alunos desse Professor. Implementar o projeto nesta faixa etária permite promover uma ação preventiva, num ciclo de ensino onde o número de iniciativas externas de promoção da aprendizagem é inferior e tirar partido da formação base dos participantes do programa numa área disciplinar específica.

Para que os objetivos sejam cumpridos estão definidos no Programa de Desenvolvimento da Teach For Portugal quatro pontos essenciais que devem ser tidos em conta, para reduzir o número de alunos com níveis negativos e reduzir também a taxa de retenção e desistência. Existe, por isso, um Programa de Formação e Desenvolvimento de Liderança, a Intervenção em sala de aula, Desenvolvimento de Projetos Escolares e Desenvolvimento de Projetos Comunitários.

Este é um projeto desenvolvido pelo Município de Lousada que tem como finalidade a “Promoção do Sucesso Educativo”, no âmbito do Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar, da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa. A medida é cofinanciada pelo Programa Operacional Regional do Norte 2014-2020 (Norte 2020), no quadro do regulamento específico “Capital Humano”, tendo um valor de aproximadamente 24 mil euros para os dois anos letivos.

Ana Marta Silva, que está a desenvolver o projeto Teach For Portugal na Escola Básica Lousada Este, tem formação superior na área da Biologia e está desde 2018 ligada à organização.

Para Ana Marta Silva “a educação é o principal motor de transformação da nossa sociedade e que tem um papel particularmente importante em contextos sociais mais desfavorecidos. Residindo no Tâmega e Sousa, uma das regiões do país que mais desafios enfrenta, identifico-me integralmente com o propósito de trabalhar num futuro de oportunidades iguais e não condicionado pelo local onde nascemos”.

Relativamente à experiência, Ana Marta Silva destaca que “está a ser incrível. Fui muito bem recebida na EB Lousada Este, estando a colaborar com docentes nas disciplinas de Cidadania e Desenvolvimento e de Dança, Música e Drama, do 5.º e 6.º ano”.

“O principal objetivo é garantir que crescem entendendo que poderão ser o que quiserem, independentemente do sítio de onde venham. Muitas das vezes, o processo passa por fazê-los acreditar que são capazes, quando eles próprios acham que não. Todos têm capacidades para atingirem a sua definição de sucesso”, realça.