penafielmagazine@gmail.com

Notícias em Penafiel
 

MUNICÍPIO PENAFIEL ANUNCIA “MELHORES CONTAS EM MAIS DE 20 ANOS”

A Câmara Municipal de Penafiel anunciou “as melhores contas de sempre em mais de 20 anos”, desde que existe o POCAL, ou seja o Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais, tendo encerrado o ano de 2019 com um resultado positivo na ordem dos 6,2 milhões de euros, conforme é referido em comunicado da autarquia.

Em nota de imprensa enviada à comunicação social, a autarquia liderada por Antonino de Sousa consegue, pelo terceiro ano consecutivo, diminuir o seu passivo, tendo atingindo em 2019 uma redução na ordem dos 7,7 milhões de euros, face a 2018. No que diz respeito a pagamentos de faturas (registadas a 31 dezembro de 2019) com mais de 90 dias, verificou-se uma redução de 60% quando comprado com 2018. O total das dívidas a terceiros – de curto, médio e longo prazo – diminuiu 30%, em comparação com o exercício de 2018. Nos dois últimos exercícios, entre 2017 e 2019, a dívida total da autarquia reduziu cerca de 44%. Já no que diz respeito ao valor da dívida a terceiros de curto prazo – dívida a fornecedores – desceu cerca de 6,2 milhões euros (-36,76%) face a 2018. Comparando os dois últimos exercícios, entre 2017 e 2019, registou-se uma diminuição de 51%. O Município de Penafiel cumpriu ainda os limites de endividamento previstos, tendo no final de 2019 uma margem utilizável de cerca de 6 milhões de euros, o que evidencia um bom percurso de gestão financeira.

Para o presidente da Câmara Municipal de Penafiel, Antonino de Sousa, “estes resultados são a melhor resposta que poderíamos dar, com base numa gestão equilibrada e rigorosa, a quem passa meses a dizer que está tudo mal e vamos a ver os resultados dizem outra coisa. Mais importante ainda é que estes resultados financeiros e operacionais dão a Penafiel o conforto para enfrentar os tempos difíceis que se avizinham por força da pandemia, e permite executar os investimentos previstos no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano, e ainda as obras planeadas para as nossas freguesias.”