penafielmagazine@gmail.com

Notícias em Penafiel
 

ESCRITARIA COM MÁRIO ZAMBUJAL EM PENAFIEL

De 18 a 25 de outubro, a prosa volta ao centro das atenções com um dos mais carismáticos prosadores portugueses a merecer todas as atenções de mais uma edição do Festival Literário Escritaria, em Penafiel.

Mário Zambujal é autor de textos para televisão e teatro. Foi jornalista de “A Bola”, de “O Jogo”, subchefe de redação de “O Diário de Lisboa”, chefe de redação de “O Século”, diretor-adjunto do “Record”, diretor do “Mundo Desportivo” e dos semanários “Se7e” e “Tal & Qual”, subdiretor do Canal 2 da RTP e apresentador de diversos programas de televisão.

Além de “Crónica dos Bons Malandros”, cuja rodagem para televisão está a decorrer com a realização de Jorge Paixão da Costa, outros livros têm conquistado diversas gerações de leitores:

Histórias do Fim da Rua, À Noite Logo se Vê, Fora de Mão, Primeiro as Senhoras, Já Não se Escrevem Cartas de Amor, Uma Noite Não São Dias, Dama de Espadas, Longe é um Bom Lugar, Cafuné, Serpentina, Talismã, Romão e Juliana, Então, Boa Noite e Rodopio, o seu mais recente livro, irão emprestar personagens às ruas de Penafiel.

 

Em 2020 a Escritaria vai ainda apresentar novidades em termos culturais com projetos inovadores e que vão reforçar, ainda mais, a ligação de Penafiel como cidade das palavras e da literatura

 

No ano em que Penafiel celebra 250 anos de elevação a cidade, a segunda mais antiga do distrito do Porto, a organização da Escritaria decidiu ainda homenagear igualmente a vida do jornalista Fernando Alves, que celebra este ano 50 anos de carreira na rádio. Está prevista uma conversa “intimista” e o reconhecimento público ao “poeta da rádio”, que tem sido uma presença assídua no Festival Literário, conversando de forma absolutamente singular com os vários autores que têm passado por Penafiel.

Em 2020 a Escritaria vai ainda apresentar novidades em termos culturais com projetos inovadores a divulgar oportunamente e que vão reforçar, ainda mais, a ligação de Penafiel como cidade das palavras e da literatura.

Depois de Urbano Tavares Rodrigues, José Saramago, Agustina Bessa-Luís, Mia Couto, António Lobo Antunes, Mário de Carvalho, Lídia Jorge, Mário Cláudio, Alice Vieira, Miguel Sousa Tavares, Pepetela e Manuel Alegre, chegou a vez de destacar a vida e obra de Mário Zambujal.

A 13º edição do único festival literário, em Portugal, que se dedica a homenagear um escritor vivo de língua portuguesa irá trazer novidades. Além da transformação da cidade em torno do escritor homenageado e da sua obra – com alusões nas montras, exposições, arte de rua, teatro e música- a Escritaria irá difundir os seus principais momentos via streaming, de forma a mitigar o distanciamento social.

A pandemia obriga a sermos ainda mais criativos de forma a satisfazer os penafidelenses e os visitantes da Escritaria que tanto acarinham o Festival literário.

À semelhança de todos os autores e nomes grandes que já passaram por Penafiel, Mário Zambujal terá uma frase e a sua silhueta no corpo da cidade. Ficará para memória de sucessivas gerações.

Assim, Penafiel continua a receber e a difundir a literatura portuguesa.