Slider

Clube Objetivo Cinema em Penafiel apaga as velas de aniversário com um cine-concerto

O Clube Objetivo Cinema em Penafiel encerra, hoje, a comemoração do seu terceiro aniversário com a organização de um cine-concerto, no Cinemax Penafiel, seguido de um convívio, no Largo da Ajuda, avançou ao Penafiel Magazine o presidente da direção.

 

O evento será protagonizado por Muay, uma banda instrumental local que vai musicar um filme mudo de 1930 da vanguarda soviética a partir das 22:00.

“É um filme lindíssimo, uma mistura de poesia e de grande sofisticação”, explicou Hugo Pacheco.

O dirigente acrescenta que esta atividade também se inclui num projeto dinamizado pelo Cinemax “O Cinema está de Volta”  que pretende convocar o público para um regresso às salas de cinema, aos espetáculos e à cultura em geral.

Missão é “combater o definhar das salas de cinema”

Fundado em 2018, o Clube Objetivo Cinema em Penafiel é uma associação cultural sem fins lucrativos que tem por objetivo tentar combater “o definhar das salas de cinema, do visionamento em comunidade de filmes”, argumenta.

“Definimo-nos muito como um clube exploratório, um local de reflexão e convivência em primeiro lugar. Somos como um cineclube clássico, que nasce para estímulo de conhecimento, de aproximar as pessoas do que se faz no cinema contemporâneo: mostrar o que se fez no passado, o que é isso da história do cinema. Portanto, proporcionamos um diálogo entre o passado e o presente”, prossegue Hugo Pacheco.

A sala de cinema, garante, é “o principal foco” da atividade desenvolvida pelo Clube Objetivo Cinema em Penafiel.

Além da exibição de filmes, o clube, que conta com cerca de 40 associados, propõe-se ainda “tratar a sessão com alguma importância”. “Fazemos folhas de sala. Se possível, temos convidados a apresentar ou a comentar o filme”, exemplifica.

Pandemia interrompeu vários projetos

Paralelamente à atividade na sala de cinema, o projeto de cinema de autor chegou a realizar outras iniciativas que, entretanto, foram interrompidas pela pandemia.

“Já exibimos uma sessão numa das salas de exposição permanente do Museu Municipal de Penafiel. Temos algumas parcerias que estabelecemos com outras entidades para olhares mais atentos para alguma da cinematografia alemã, mas nesse projeto só tivemos a oportunidade de exibir um filme, entretanto fomos interrompidos pela pandemia”, anotou. E acrescentou:

“Se fizermos as contas, grande parte da atividade do clube foi num contexto de pandemia, portanto há algum ritmo que foi ligeiramente diferente do que seria num contexto sem pandemia obviamente”.

Anseio a curto prazo é “tentar que as pessoas regressem às salas de cinema”

A curto prazo, o objetivo do Clube Objetivo Cinema de Penafiel, explica Hugo Pacheco, “é tentar fazer com que as pessoas regressem às salas de cinema”.

A atividade da coletividade é financiada, desde 2020, pela rede de exibição alternativa do Instituto de Cinema e Audiovisual.

Para 2022, a direção da associação garante ter já um vasto programa preparado para dar continuidade ao foco de exibição de cinema em sala.

Alegando ser “cedo para revelações”, o dirigente ressalva, no entanto, a importância da parceria que tem estabelecida com o Cinemax de Penafiel para a execução do seu projeto.

“Uma sala comercial que abriu as portas a um projeto de cinema de autor para a concretização da sua missão, é uma parceria fundamental que não podemos deixar de salientar”, concluiu.