Slider

FC Águias de Santa Marta está concluir uma das melhores épocas de sempre na 1ª divisão (C/VÍDEO)

FOTOS: Pedro Costa/Tâmegasousa.pt/Penafiel Magazine

O FC Águias de Santa Marta está a realizar uma das melhores épocas de sempre no campeonato nacional da 1ª divisão em futsal feminino.

 

O emblema do concelho de Penafiel assegurou atempadamente a permanência no principal escalão da modalidade e está a um pequeno passo de carimbar o segundo lugar na fase de manutenção, sendo superado apenas pelo Sporting.

A decisão está guardada para a última jornada, agendada para o próximo dia 22, em Chaves, na casa de um adversário direto na tabela. Um jogo “muito difícil”, garante o técnico Emanuel Moreira.

“O Chaves já vem com um processo de treino de três épocas com a mesma equipa técnica e praticamente com as mesmas atletas. Viu recentemente uma das suas atletas ser chamada ao estágio da seleção nacional. Também esteve presente na meia-final da Taça de Portugal. Por isso, à semelhança do jogo que disputamos em casa, lá também vai ser muito difícil. Ambas as equipas querem a melhor classificação possível. Não vamos a Chaves com esperança de ter uma tarefa muito facilitada, antes pelo contrário”, sustenta.

 

 

Ao FC Águias de Santa Marta um ponto basta em Chaves para confirmar a segunda posição, mas pretende ainda “chegar ao melhor ataque da prova e ficar com o melhor registo defensivo”.

O clube penafidelense está há nove jogos sem conhecer o sabor da derrota, período no qual alcançou seis vitórias e três empates. Nos últimos cinco desafios, sofreu apenas três golos.

O Águias de Santa Marta vive, por isso, a melhor fase da época, mas o arranque foi atribulado. Atletas e dirigentes são unânimes: a chegada da nova equipa técnica, liderada por Emanuel Moreira, revelou-se fundamental para a recuperação.

“A equipa técnica tem feito um trabalho maravilhoso. Até eu estou surpreendido com o desenrolar dos jogos e dos resultados”, confessa o presidente do clube, Adão Sousa.

“O trabalho em jogo e de coletivo é muito importante nesta modalidade, e o treinador veio trazer-nos essa parte, assim como a evolução técnica e individual de cada atleta. A condição física também era uma das vertentes que não estava bem trabalhada e ele trouxe-nos todas essas dinâmicas”, explica Olga David, uma das jogadores mais experientes do plantel.

“Começamos a trabalhar de uma maneira diferente e começamos a corrigir os erros que estávamos a cometer no passado. Também melhoramos fisicamente e isso foi uma grande ajuda para estarmos onde estamos”, acrescentou a capitã Diana Sousa.

 

FOTOS: Pedro Costa/Tâmegasousa.pt/Penafiel Magazine

 

A continuidade de Emanuel Moreira no comando técnico da equipa na próxima época será do agrado de todas as partes, mas as negociações só deverão avançar após a conclusão do campeonato.

“Esse é um assunto que ainda não foi tratado, mas espero que continue. Há muitos condicionantes neste momento, porque estamos muito preocupados com o futuro do Águias de Santa Marta, a nível nacional”, adianta o presidente Adão Sousa.

Para Emanuel Moreira “todas as possibilidades estão em cima da mesa”, embora revele que não foi abordado “nesse sentido”. “Estou tranquilo, temos mais três semanas de trabalho para finalizar a época e depois, com certeza, iremos abordar esse assunto”.

Criada há 8 anos, a equipa feminina do FC Águias de Santa Marta é a mais representativo da região do Tâmega e Sousa na modalidade de futsal. Está há quatro épocas consecutivas no campeonato nacional da 1ª divisão. Em 2018/2019 conseguiu mesmo uma presença histórica na ‘final-four’ da Taça de Portugal.

 

 

FOTOS: Pedro Costa/Tâmegasousa.pt/Penafiel Magazine

 

FOTOS: Pedro Costa/Tâmegasousa.pt/Penafiel Magazine