Slider

Paredes e CESPU celebram protocolo para criar Serviço de Apoio e Informação à Vítima

A Câmara Municipal de Paredes anunciou que assinou hoje um protocolo com a Cooperativa de Ensino Superior Politécnico Universitário, CESPU, sediada em Gandra, para a criação de um Serviço de Apoio e Informação à Vítima (SAIV).

 

Em comunicado, a autarquia paredense explica que o Espaço Vida do SAIV, como será designado o novo serviço, “é uma iniciativa que está integrada no Plano Municipal de Prevenção e Combate à Violência Doméstica e de Género” e que terá sede na Câmara Municipal de Paredes, “em gabinete próprio”.

“O serviço é gratuito e confidencial e dirige-se a qualquer vítima, independentemente do concelho de residência”, indica a nota de imprensa acrescentando que haverá ainda “disponibilidade para atendimento presencial, mediante marcação prévia por telefone ou por e-mail”.

O presidente do Município de Paredes, Alexandre Almeida, citado no comunicado, refere que “com este serviço a autarquia dá uma resposta mais eficaz no apoio às vítimas e no combate ao flagelo da violência doméstica acentuado, agora, pela pandemia”.

Com a celebração desta parceria com a CESPU, o concelho de Paredes, salienta a mesma fonte, “ vai passar a dispor de dois espaços de informação e apoio à vítima com cinco técnicos especializados na resposta “ao flagelo da violência doméstica”, conclui.