Slider

PJ deteve homem indiciado pela prática de crimes de pornografia de menores em Penafiel

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, identificou e deteve um homem de 21 anos pela presumível autoria de crimes de pornografia de menores ocorridos desde 2019, com utilização de plataformas informáticas, informou fonte policial.

 

A investigação, adianta a mesma fonte, teve início numa sinalização por entidades internacionais relativa a partilha de conteúdos, envolvendo pornografia de menores em plataformas de Internet efetuada a partir de acessos registados em Portugal e que mais tarde se veio a apurar terem sido da responsabilidade do arguido.

“Na sequência de diligências de obtenção de prova realizadas, foi possível detetar na posse do arguido centenas de ficheiros contendo pornografia envolvendo menores, pelo que o mesmo foi detido em flagrante delito”, acrescenta a mesma fonte.

O detido, sem ocupação profissional nem antecedentes criminais, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido impostas, como medidas de coação, a proibição de acesso à Internet, a obrigatoriedade de apresentações periódicas e sujeição a tratamento às adições.