Slider

Polícia Judiciária deteve homem em Paredes por abuso sexual de criança

A Polícia Judiciária (PJ) informou hoje ter identificado e detido um homem de 52 anos suspeito de crime de abuso sexual de uma criança de sete anos, em Paredes, distrito do Porto, praticado na sua residência.

 

Em comunicado, a autoridade policial indica que o menor é familiar do suspeito, por afinidade.

“Aproveitando-se da relação familiar e da coabitação que tinha com a vítima e ainda da especial vulnerabilidade da criança, de sete anos, submeteu-a a atos sexuais de relevo, que terão ocorrido durante o ano passado e no corrente ano”, acrescenta a PJ.

O detido, polidor de móveis, sem antecedentes criminais, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de interdição de contactos com a vítima e de apresentações semanais no posto policial da área de residência.